Macao Polytechnic Institute – Knowledge, Expertise, Global Vision!

Highlights

Aluna do IPM ganhou o 1o prémio do nível avançado no CONCURSO DE DECLAMAÇÃO DE POESIA EM PORTUGUÊS

Realizou-se, no passado dia 19 de Abril, no Instituto Politécnico de Macau (IPM), o 13º Concurso de Declamação de Poesia em Português para Instituições de Ensino Superior da China, que contou com a participação de alunos de português do Instituto Politécnico de Macau, da Universidade de Macau, da Universidade de São José, da Universidade de Ciência e Tecnologia de Macau, da Universidade Nankai, da Universidade de Comunicação da China, Nanjing, da Universidade de Pequim, da Universidade de Estudos Internacionais de Pequim, da Universidade Normal de Fujian, do Instituto de Comunicação de Hebei, do Instituto de Estudos Estrangeiros de Hainan e do Instituto de Línguas Estrangeiras de Hunan, num total de 30 concorrentes, divididos por três categorias a concurso: nível elementar, nível intermédio e nível avançado.

Tratou-se de mais uma iniciativa IPM, em parceria, este ano, com o GAES, e que contou com o apoio e patrocínio da Fundação Rui Cunha e da Fundação Oriente, com o objectivo não só estimular o prazer da arte da declamação e despertar talentos nessa arte, como também aprofundar o interesse pelas literaturas e culturas de língua portuguesa, incentivar o hábito da leitura e promover o convívio e intercâmbio cultural entre estudantes de Língua Portuguesa na República Popular da China.

Os vencedores foram: no nível elementar, o primeiro prémio (“Prémio do GAES”) foi atribuído à aluna Liang Yingyi (Zóe) da Universidade de Pequim; o segundo prémio ("Prémio Fundação Rui Cunha") foi para a aluna Mao Fenglin (Cristina) da Universidade Nankai, e o terceiro prémio ("Prémio IPM") para a aluna Wong Ka Lei (Júlia) da Universidade de Macau; no nível intermédio, o primeiro prémio ("Prémio do GAES") foi atribuído ao aluno Chu Xiaorui (Rui) da Universidade de Pequim; o segundo prémio ("Prémio Fundação Rui Cunha") à aluna Wei Zirui (Teresa) do Instituto Politécnico de Macau, e o terceiro prémio ("Prémio IPM") foi para o aluno Joshua Aquino Aslarona da Universidade de Macau. No nível avançado, o primeiro prémio ("Prémio do GAES") foi atribuído à aluna Liu Xingyu (Estrela) do Instituto Politécnico de Macau; o segundo prémio ("Prémio Fundação Rui Cunha") à aluna Liu Xinyi (Letícia) da Universidade de Estudos Internacionais de Pequim, e o terceiro prémio ("Prémio IPM") foi dado ao aluno Zhou Yisheng (Tomás) da Universidade de Macau. O “Prémio Fundação Oriente” foi atribuído à aluna Liu Xinyi (Letícia) da Universidade de Estudos Internacionais de Pequim

O júri, presidido pelo Dr. Rui Cunha, advogado e Presidente da Fundação Rui Cunha – e composto ainda pelo Dr. Miguel Senna Fernandes, advogado e Presidente da Associação dos Macaenses, o Doutor Sheeva Ma, a Professora Doutora Ana Paula Cleto Godinho, Coordenadora da Fundação Oriente em Macau, e a Dra Ana Paula Paiva Dias, Técnica Superior Assessora do Centro de Difusão de Línguas, da DSEJ- reconheceu não ter tido a tarefa facilitada, dada a qualidade dos concorrentes e dos poemas a concurso.

 



Aluna Liu Xingyu (Estrela) do IPM (lado direito) ganhou o 1º prémio do nível avançado 

Fotografia de grupo dos membros do júri com os participantes