Sónia Patrícia Sousa Pisco Pereira

Exchange student from the Bachelor of Arts in Chinese-Portuguese/Portuguese-Chinese Translation and Interpretation, Polytechnic Institute of Leiria, Portugal to the Bachelor of Arts in Chinese-Portuguese/Portuguese-Chinese Translation and Interpretation, MPI

 

Como aluna do curso de Tradução e Interpretação Chinês/Português, estudar e residir em Macau providenciou uma experiência marcante no meu trajeto como estudante de mandarim. Sendo este o pedaço de terra em que a ligação Portugal-China se torna tão evidente dando uma certa mística à cidade, onde culturas se emergem e onde povos se unem em prol de um bom ambiente citadino.

Apesar de todos os meus receios em vir para Macau, após ter residido um ano em Pequim, acabei por descobrir uma certa ligação, que me deixa radiosa com a magia que este canto possui.

Quanto à minha experiência como aluna do IPM, foi bastante gratificante, muito antes de chegarmos a Macau, já havia todo um processo em que nos foi providenciada diversas informações, desde o processo de matricula na escola, aquisição de visto e até mesmo sobre as residências onde iriamos residir. Fomos sempre muito bem tratados a partir do momento que pisamos nesta terra. Foi-nos oferecido uma visita guiada pela cidade, alguns almoços e jantares, churrascos, festas temáticas e até mesmo uma visita de 2 dias à China, entre muitas outras coisas. Fomos muito bem paparicados.

A nível académico, os professores foram sempre muito atenciosos, preocupados e disponíveis para tudo o que fosse preciso. Porém, deixo a minha opinião que deveriam ter sido um pouco mais rigorosos, porque apesar de tudo, os professores com quem tivemos oportunidade de trabalhar ainda tinham pouca experiência em lidar com alunos estrangeiros, o que acabou por levar a um período de adaptação mais alargado.

Macau apesar de pequeno tem muito para oferecer a quem por aqui passa, foi uma oportunidade enorme ter podido residir um ano nesta terra, e de onde levo imensas memórias e muitas saudades.

Até um dia Macau e IPM.