Em Destaque

O desenvolvimento profissional das empregadas nos sectores do Jogo e do Turismo foi tema de um debate organizado pelo CJT do IPM


Participação dos convidados no salão académico "Empregadas nos Sectores do Jogo e do Turismo de Macau: Circunstância Profissional Actual e Desenvolvimento Futuro", organizado pelo IPM


Debate entre os estudiosos do IPM e os convidados sobre os resultados das investigações relacionadas com as empregadas nos sectores do jogo e do turismo de Macau

O Centro Pedagógico e Científico nas Áreas do Jogo e do Turismo do Instituto Politécnico de Macau (CJT-IPM) organizou, no dia 28 de Setembro, um salão académico com o tema de "Empregadas nos Sectores do Jogo e do Turismo de Macau: Circunstância Profissional Actual e Desenvolvimento Futuro". Este salão académico foi presidido pelos Professor Adjunto Zhou Jin Quan, a Assistente Liu Shuang e o Assistente Tang Chi Chong do CJT, que, tendo como ponto de partida diferentes abordagens, realizaram investigações e discussões profundas sobre o desenvolvimento profissional das empregadas nos sectores do jogo e do turismo em Macau.

Durante o debate, o Assistente Tang fez uma análise em relação às proporções dos sexos masculino e feminino no sector do jogo e nos sectores não-jogo em Macau, o que demonstra que a habilitação académica produz uma influência bastante grande nos empregados, nomeadamente, no que diz respeito ao grau de ensino secundário complementar e graus inferiores, sendo prevalecente a proporção dos empregados femininos; enquanto no grau de licenciatura e graus superiores, não há uma grande diferença entre dois sexos. No entanto, devido ao desenvolvimento dos sectores não-jogo nos últimos anos, nas novas gerações, a distância de proporção entre dois sexos não é tão óbvia.

O estudo do Professor Zhou tem como objecto as croupiers femininas de Macau, analisando assim as correlações entre o "Suporte Organizacional Percebido", os "Conflitos Trabalho-Família", a "Satisfação Profissional" e a "Intenção de Rotatividade". Esse estudo revela: (1) ser muito importante ter um bom suporte organizacional, que pode diminuir efectivamente os conflitos entre o trabalho e a família; (2) o bom suporte organizacional tem uma relação positiva com a satisfação profissional e uma relação negativa com a intenção de rotatividade; (3) o bom suporte organizacional pode diminuir os conflitos existentes no desempenho das croupiers femininas em diferentes papéis e minimizar o impacto resultante, elevando assim a satisfação profissional dessas trabalhadoras e baixando a sua intenção de rotatividade.

Através de entrevistas profundas, a Assistente Liu fez uma investigação sobre as empregadas dos casinos de Macau que precisam de trabalhar em turnos e já têm filho/a(s), analisando as influências de diferentes suportes sociais em relação à pressão profissional delas. A investigação descobriu que, os apoios emocional e instrumental são formas mais eficientes na diminuição da pressão profissional dessas empregadas que têm filho/a(s) e trabalham em turnos, e que esses apoios são normalmente dados pela família e pelos amigos. Os resultados desta investigação podem contribuir para que as empresas do jogo, através duma melhor gestão e formação, forneçam os apoios efectivos às suas empregadas, elevando assim o seu desempenho profissional.

Participaram neste salão académico os representantes da Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais, da Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos, da Federação das Associações dos Operários de Macau, da Associação Geral das Mulheres de Macau, do Wynn Resorts (Macau), S.A., da Sands China Ltd., da MGM, da Melco Resorts & Entertainment Limited, de Galaxy Entertainment Group e da Sociedade de Jogos de Macau, S.A., tendo estes representantes tido uma discussão e interacção entusiástica com os oradores sobre o tema. Ao todo, neste salão académico participaram mais de 70 pessoas, incluindo o pessoal docente e de investigação do CTJ do IPM.


Nos media: